Planejamento de obra: confira 5 dicas para organizar sua construção ou reforma

| Deixe um comentário | 28 de maio de 2021


Seja uma pequena reforma ou uma grande construção, qualquer obra precisa ter o mesmo ponto de partida: o planejamento. Antes de encarar o canteiro é preciso colocar no papel o que será feito, os materiais necessários, a mão de obra a ser utilizada e tudo o mais que possa influenciar o trabalho.

Esta organização prévia vai se refletir em vários aspectos da construção. Desde o orçamento até o prazo de conclusão, tudo vai depender do sucesso desta etapa. Confira neste post 5 dicas para realizar um bom planejamento de obra.

1. Elabore um projeto para a obra

Planejar o que será feito e como será executado é a primeira parte do trabalho. Cabe ao arquiteto fazer o projeto arquitetônico conforme a sua demanda. Esta etapa também envolve a obtenção das licenças e autorizações eventualmente necessárias para a obra.

Mesmo pequenos trabalhos e reformas precisam de um projeto detalhado, elaborado por um profissional capacitado. Além de garantir maior qualidade, também torna a obra mais segura.

2. Estabeleça as etapas e os prazos para o trabalho

Uma vez concluído o projeto é preciso pensar em cada etapa da obra. Desde os serviços preliminares, como a limpeza e nivelamento do terreno, até a conclusão do trabalho, tudo deve ser previsto e registrado.

Esta etapa é importante para embasar as fases seguintes da obra, que envolvem a definição dos materiais, do orçamento e do pessoal necessário.

3. Faça um orçamento detalhado

A elaboração do orçamento é uma etapa crítica do planejamento de obra, por motivos óbvios. E é onde a precisão do plano elaborado se mostra mais indispensável. Uma obra mal planejada pode guardar surpresas, geralmente desagradáveis, para o seu bolso.

Para evitar dor de cabeça o orçamento deve ser realista e detalhado. Deve ser feito com base nos levantamentos quantitativos de serviços e materiais e prever um cronograma para o investimento necessário à medida que o trabalho avança.

4. Avalie a mão de obra necessária

Em suas diferentes etapas, uma obra exige mão de obra com diferentes habilidades. Do arquiteto, que vai fazer o projeto, ao decorador que vai organizar o espaço interno, você pode precisar de vários profissionais. O ideal é que cada etapa seja executada por um especialista para garantir a excelência do serviço.

Claro que nem sempre isso é possível e muitas vezes temos que contar com o trabalho de profissionais “generalistas”. O importante é montar uma equipe com capacidade comprovada e lembrar-se de que, muitas vezes, o barato pode sair caro.

5. Faça o acompanhamento sistemático da obra

Especialmente nas empreitadas mais longas, crie um método para acompanhar o andamento do trabalho. A partir de uma meta de evolução da obra, crie um diário para registrar o que foi feito e o que deixou de ser realizado.

Assim você pode monitorar problemas como atrasos e desperdício de materiais, entre outros.


Estas etapas que listamos no seu planejamento de obra podem variar de acordo com o tipo e a extensão do trabalho que você está executando. O importante é ter um plano definido e cumprir o que foi planejado.

E não se esqueça que a Tendtudo é sua parceira em todas as etapas da sua obra. Da fundação aos acabamentos, tudo o que precisar você encontra em uma das nossas lojas ou em nosso site.

Tag: , ,